terça-feira, 16 de junho de 2009

Falta de planejamento ou confiança excessiva?

Inaugurando a série de colunas, falarei sobre um tema que a muito tempo me incomoda, times que se saem bem em um ano, ou até mesmo não tão bem, e no ano seguinte são surpreendidos.


Não é de hoje que times que fizeram belas campanhas em um ano e no ano seguinte vão mal, mas será que isso deve se ao fato de os diretores do time confiarem excessivamente no time ou não terem o planejamento ideal de estar preparado para competições mais fortes.

Citando dois exemplos mais recentes, o Paraná Clube de 2006 e o Sport de 2008, o primeiro que foi 5º colocado no brasileirão daquele ano, conquistando vaga para a Libertadores do ano seguinte, e o segundo que foi campeão da Copa do Brasil de 2008, também conquistando uma vaga para a Libertadores do ano seguinte, decaíram no ano que se passou, inclusive com o Paraná sendo rebaixado e, hoje, o Sport faz uma campanha fraca, para um time que no ano passado foi campeão nacional.
Nesses casos, fica claro que além de uma confiança exagerada, houve também uma falta de planejamento, já que as competições disputadas se tornaram de um nível maior, ocasionando a queda de desempenho das equipes.

Outro exemplo que podemos ver, é o do Avaí, clube que fez uma série B ótima ano passado, subiu sendo terceiro colocado, mas pouco se preparou para a série A desse ano, e agora sofre com isso e, no momento, ocupa a lanterna do campeonato.

Já no caso do Atlético/PR, o que houve é mais inacreditável ainda, o time que foi mal na série A do ano passado e por pouco não foi rebaixado, pouco se reforçou para esse ano, pelo contrário, perdeu dois dos seus principais jogadores, Alan Bahia e Ferreira, o resultado disso tudo?
Passará mais um ano lutando contra o rebaixamento.

Agora eu questiono, existiria um time tão bem organizado, que não precisaria mudar de um ano para o outro ou a mudança, por menor que seja, é algo necessário no futebol, quer o time esteja bem ou mal?

5 comentários:

Ney disse...

Existem mudanças e mudanças...

Eu acho que tem que mudar sim, mas não mudar de qualquer jeito só por mudar...

O maior exemplo disso em Pernambuco não foi o Sport dos últimos dois anos, mas sim o melhor time que eu já vi deles, o de 2000... Terminou em 5º na Copa JH, mas se tivesse passado pelo Grêmio (eles até hoje reclamam desse jogo) seriam favoritos ao título sem sombra de dúvida... Mas no ano seguinte, em nome de um tal hexa que apesar da rivalidade não iria acrescentar nada a eles, começaram a mudar tudo sem planejamento, o resultado foi a perda do hexa, a lanterna no Brasileiro e cinco anos amargando a série B (se não fosse o Vitória teriam descido pra C inclusive)...

Mateus Souza disse...

Falta planejamento. E também as mudanças do planejamento atrapalham, vide o Sport ai que o Ney citou.

Mateus Souza disse...

E sobre os times:

O Paraná realmente exagerou na confiança. Achou que iria brigar na parte de cima, se orgulhava que pela 1ª vez os comentáristas não os colocavam como candidato ao rebaixamento e talz, mas não se reforçaram e quebraram a cara. Agora tem que se cuidar com a Série C

Sport ainda tem muito campeonato pela frente. Pode tanto se recuperar quanto se afundar.

Avaí é diferente. Veio de uma boa Série B, o que não quer dizer muito. Não se reforçou direito e vai brigar pra não cair

O CAP é algo meio inexplicavel mesmo. Com a estrutura que tem, estarem nessa situação. A reforma do estádio pode ser um dos motivos, já que não estão injetando muito dinheiro no time, mas do mesmo jeito, um time que se diz um dos mais estruturados da América do Sul, e que tem o "estádio" mais moderno, não pode brigar pra não cair de novo

Guilherme Oliveira disse...

CAP gastando grana com a reforma?
Conta outra.

DaN disse...

Esse papo de reforma faz 10 anos que existe...
Toda desculpe é a estrutura sempre a mesma coisa, o Atlético nunca NUNCA investiu em futebol mesmo assim teve seu ápice de 1999 até 2005, onde perdeu a chance de se firmar entre os grandes do Futebol Brasileiro no ano de 2004 e 2005.
Agora será muito difícil alcançar o topo novamente...